Mudanças na DACTE e na DAMDFE: Você está preparado?

 

A SEFAZ estipulou mudanças nos documentos auxiliares do CT-e e do MDF-e. Leia nosso artigo e se atualize sobre a principal mudança.

 

 

Você já conhece o DACTE e o DAMDFE? Esses documentos são impressos por Transportadoras e empresas que transportam a própria carga.

Enquanto o CT-e e o MDF-e são gerados online com informações sobre o trânsito produto (como remetente, destinatário e o valor do frete, por exemplo) e da carga, a DACTE e a DAMDFE são documentos impressos que representam a versão digital do CT-e e do MDF-e. 

Mas o que você talvez não saiba é que esses documentos vão mudar – mais precisamente no dia 07/10. A principal mudança está em algo chamado QR Code.

 

“O que é QR Code e para que ele serve?”

 

Ele é uma espécie de códigos de barra. Porém, ao invés de ser com riscos verticais em linha reta, este código tem forma de um quadrado cheio de riscos e quadrados pretos menores.

Ao ser escaneado, o QR Code e mostra mais dados do que as que estão no papel. Isso vai tornar a fiscalização mais rápida (já que o fiscal pode conferir os dados digitalmente).

Fora o QR Code, outra novidade é que um canhoto foi inserido na DACTE para que o destinatário da carga confirme que a entrega foi cumprida. Isso dá mais segurança para quem entrega e para quem recebe.

 

“Já que está tudo digitalizado, eu preciso
levar a DACTE ou a DAMDFE comigo?”

 

Sim. Apesar de algumas informações estarem digitalizadas, a fiscalização precisa acessá-las usando o QR Code impresso no papel. Além disso, você pode ser multado por não transportar documento que comprove informações de origem, destino e horários de saída e entrega (dados que você encontra tanto na DACTE quanto na DAMDFE). Apesar de não ter valor jurídico, ambos os documentos tem valor fiscal.

 

Quando eu posso começar a
emitir a DACTE/DAMDFE atualizada?

 

Na Total E.R.P., a partir de 07/10. A versão já está desenvolvida, mas só precisa entrar em sincronia com a SEFAZ (que só disponibilizará isso na segunda).

Por isso, pode ficar tranquilo. Enquanto muitas empresas de software ainda não se atualizaram ao novo leiaute, todos os nossos clientes já vão estar emitindo o novo modelo.

Caso você não seja nosso cliente, clique neste link caso queira conhecer mais sobre o CT-e ou clique neste link caso queira saber detalhes sobre o MDF-e. Se preferir, você também pode falar diretamente com nossos consultores comerciais nos telefones (41) 3503-1002 ou no (41) 99870-5557.

Entre em contato

(41) 3503 1002
(41) 3408 1004
(41) 99870.5557
Avenida Visconde de Guarapuava, 2764 Cj.1001
Curitiba - PR - 80030-070

Preencha para falar conosco






Conheça como o Total E.R.P funciona

Preencha os campos com suas informações para ter acesso ao ambiente de demonstração do Total E.R.P..

Fale conosco no (41) 3503-1002 ou, se preferir, no Contato Comercial (41) 99870-5557